Ao menos 50 cidades já confirmaram atos pelo Fora Bolsonaro e em defesa da democracia nesta quinta

Milhares de pessoas devem ocupar as ruas em vários pontos do país nesta quinta-feira (11), pelo Fora Bolsonaro, em Defesa da Democracia, por eleições livres, por direitos sociais, contra a violência, o desemprego e a fome. Segundo levantamento, ao menos 50 cidades já têm atos confirmados para o dia 11.


O protesto foi convocado pela Campanha Fora Bolsonaro, que reúne mais de 80 entidades sindicais, movimentos sociais, estudantis e populares, entre os quais o ANDES-SN. O Sindicato Nacional conclama docentes de todo o país a aderirem às manifestações, para derrotar Bolsonaro nas ruas e nas urnas, conforme consigna aprovada em seu 40º Congresso.


Nesse mesmo dia, ocorrerá também a leitura da “Carta às brasileiras e aos brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito”, na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP). A carta também será lida em vários outros locais pelo Brasil.


O documento em defesa da democracia e do sistema eleitoral foi elaborado pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP) e divulgado no dia 25 de julho, com cerca de 3 mil assinaturas. Duas semanas depois, a Carta já contabiliza mais de 850 mil adesões, incluindo a do ANDES-SN. Veja aqui.

Em vídeo, a presidenta do ANDES-SN reforça o chamado às professoras e aos professores das universidades, institutos federais e cefets. Assista:





Confira abaixo os locais com atos, e ou leituras da Carta, já confirmados, conforme levantamento da Campanha Fora Bolsonaro, com inclusões do ANDES-SN: Acre Rio Branco: Em frente ao Restaurante Universitário da Universidade Federal do Acre, às 10h Alagoas Maceió: Praça Centenário, 8h Maceió: Ufal/Uneal, 10h


Amazonas Manaus: Hall do Instituto de Filosofia, Ciências Humanas e Sociais (IFCHS), da Universidade Federal do Amazonas (UFAM), 10h30 Manaus: Praça da Saudade, 15h Parintins: Estacionamento do CESP da Universidade do Estado do Amazonas, 16h30 Parintins: Instituto de Ciências Sociais, Educação e Zootecnia (ICSEZ), da UFAM, 16h Tefé: Hall do CEST/Universidade do Estado do Amazonas - 9h10


Bahia Salvador: Praça do Campo Grande, 9h Salvador: Ufba, 10h Lauro de Freitas: Viaduto 2 de Julho, 9h Ilhéus: Em frente aos correios, 10h Itabuna: Praça Camacã, 09h30 Vitória da Conquista: Praça 9 de Novembro, 16h Feira de Santana: Uefs, 14h30


Ceará Fortaleza: UFC, 9h Fortaleza: Praça da Bandeira, 9h Fortaleza: Praça da Gentilândia, 16h Fortaleza: Casa do Estudante, 19h


Distrito Federal Brasília: Faculdade de Direito da UnB, 10h Brasília: Museu Nacional, 15h


Espírito Santo Vitória: Praça Costa Pereira, 10h Vitória: Escada do Teatro Universitário da Ufes, 16h Vitória: Quadra da Escola de Samba Novo Império, 18h


Goiás Cidade de Goiás: Mercado Municipal, 18h Goiânia: Praça Universitária, 17h Goiânia: UFG Campus Goiânia, 17h30 Goiânia: UFG Campus Goiás, 20h


Maranhão São Luís: Praça Deodoro, 16h


Mato Grosso do Sul Campo Grande: Câmara Municipal, 10h


Mato Grosso Cuiabá: Liceu Cuiabano, 19h


Minas Gerais Belo Horizonte: UFMG, 11h Belo Horizonte: Praça Afonso Arinos, 17h Mariana: Terminal Turístico, 17h Juiz de Fora: UFJF, às 10h Juiz de Fora: Praça da Estação, 17h


Pará Belém: UFPA, 14h Belém: Mercado de São Braz, 17h Santarém: Praça São Sebastião, 17h


Paraíba Campina Grande: Praça da Bandeira, 15h João Pessoa: Lyceu Paraibano, 14h


Paraná Cascavel: Redondo da Unioeste, 17h30 Curitiba: Praça Santos Andrade, 18h30 Londrina: Calçadão ao lado do Banco do Brasil, 17h Ponta Grossa: Praça Santos Andrade, entrada principal da UEPG (Campus Central), 18h


Pernambuco Recife: Faculdade de Direito UFPE ao lado da Câmara de Vereadores no Parque 13 de Maio, 10h Recife: UFPE, 11h Recife: Rua da Aurora, 15h


Piauí Teresina: Praça Rio Branco, 8h30


Rio de Janeiro Niterói: UFF, 9h Rio de Janeiro: UFRJ, Pilotis do CT, 11h Rio de Janeiro: PUC-Rio, Pilotis do Edifício Kennedy, 11h. Rio de Janeiro: Candelária, 16h


Rio Grande do Norte Mossoró: Centro de Convivência do Campus Central da universidade, a partir das 7h Natal: Midway, 14h30 Rio Grande do Sul Porto Alegre: Colégio Júlio de Castilhos, 8h Porto Alegre: Direito UFRGS, 10h Porto Alegre: Palácio Piratini, 12h Santa Maria: Praça Saldanha Marinho, 16h Pelotas: Mercado Público Central, 16h30


Rondônia Jaru: R. Mal. Rondon, 1732 - SINTERO, 10h Ji-Paraná: Rua Goiania T-03, 22:64 - AABB, 14h Porto Velho: UNIR Centro, 16h30


Roraima Boa Vista: Maloquinha do Insikiran, 16h30


Santa Catarina Chapecó: Saguão da Reitoria da UFFS, 10h Florianópolis: Auditório da Reitoria da UFSC, 10h Florianópolis: Praça da Alfândega, 17h


Sergipe Aracaju: Alese, 10h Aracaju: Praça Getúlio Vargas. Bairro São José, 15h Aracaju: Praça da Democracia na UFS, 16h30


São Paulo Botucatu: Biblioteca UNESP - Rubião Júnior, 11h Campinas: Unicamp, 9h30 Campinas: Largo do Rosário, 10h Marília: Praça Saturnino de Brito, em frente à Prefeitura, 16h Santos: Praça dos Andradas, 10h São Paulo: Sindicato dos Jornalistas SP, 9h30 São Paulo: Faculdade Direito USP (Leitura da Carta), 10h São Paulo: MASP, 17h Ribeirão Preto: USP Ribeirão Preto, 10h Ribeirão Preto: Esplanada do Teatro Pedro II, 17h


Tocantins Palmas: UFT BLOCO C, 19h Fonte: ANDES-SN