Docentes aprovam realização de Congresso presencial do ANDES-SN no primeiro trimestre de 2022


Delegadas e delegados em regime de votação, durante a plenária que aconteceu na plataforma Zoom.

Dando continuidade aos debates e deliberações do 12º Conad Extraordinário, aconteceu na tarde dessa sexta-feira (9) a plenária do Tema II - Questões Organizativas e Financeiras. O encontro, com tema central “Em defesa da vida, da educação pública e dos serviços públicos: resistir é preciso!”, ocorre em formato virtual, em três sextas-feiras consecutivas (2, 9 e 16 de julho).


A resolução que ocupou boa parte da plenária dessa sexta foi a realização do Congresso do ANDES-SN. Foram apresentadas duas propostas, uma para a realização do evento, em formato presencial, no primeiro trimestre de 2022; e outra para a realização do congresso em formato virtual, em outubro desse ano. Após amplo debate, a maioria dos delegados e delegadas votou para que o congresso – instância máxima deliberativa do ANDES-SN – aconteça presencialmente no início do ano que vem, caso existam condições sanitárias para tal.


Na sequência, os e as docentes deliberaram pela contribuição financeira do Sindicato Nacional para o Projeto Nacional Cozinhas Solidárias do MTST, para doação de alimento e quentinhas do MST e/ou para outras iniciativas de solidariedade dos movimentos sociais no combate à fome até o próximo Congresso. E decidiram também que as seções sindicais avaliem a possibilidade de realizar ações de solidariedade e combate a fome. Os e as participantes do 12º Conad extraordinário aprovaram, ainda, as contas as contas do exercício de 2020 e a previsão orçamentária para 2022 do Sindicato Nacional.


Para Cristine Hirsch Monteiro, 1ª vice-presidenta da Regional NE2 que presidiu a mesa da plenária, os debates e posicionamentos na plenária apontaram que o ANDES-SN segue junto, unido e cada vez mais forte no sentido de enfrentar as dificuldades que se apresentam.


“Conseguimos avaliar de forma qualitativa todos os TRs que estavam previstos para hoje, com relação ao tema 2, questões organizativas e financeiras. Aprovamos a contribuição para os movimentos sociais, principalmente em projetos de combate à fome, que deve ser uma ação conjunta, de todas as seções sindicais, de todos os e as docentes, das regionais e direção nacional, ou seja, de todo o ANDES-SN, para que a gente possa combater esse grande problema gerado pela pandemia e pelas ações genocidas do nosso governo federal”, explicou.


A diretora do Sindicato Nacional ressaltou a aprovação, sem contestação, das contas e projeção orçamentária da entidade e apontou como ponto alto deste Conad a deliberação acerca da realização do próximo congresso do ANDES-SN. “A discussão caminhou mostrando o acerto da diretoria em defender a realização de um congresso apenas de modo presencial. Conseguimos unir novamente a categoria nessa direção para que possamos, durante esse tempo de pandemia, estarmos focados nos atos de rua, nos atos nas redes sociais para garantir uma luta forte contra esse governo genocida. No próximo Conad, em outubro, discutiremos a viabilidade e os critérios que vão permitir condições sanitárias adequadas para a realização de um congresso presencial no 1º trimestre de 2022, e aí, seguimos na luta dessa forma!”, finaliza.


Além de Cristine, participaram também da coordenação dos trabalhos Marcos Antonio Tavares Soares, 1º vice-presidente da Regional NE3, Alexsandro Donato Carvalho, 2º vice-presidente da Regional NE2, e Mario Mariano Ruiz Cardoso, 1º vice-presidente da Regional Leste.


12º Conad Extraordinário Antecedendo a plenária do Tema II, no período da manhã dessa sexta, os e as docentes se dividiram em grupos mistos para debater as propostas de resoluções do Tema III – Planos de Lutas dos setores. Na abertura dos trabalhos da tarde foi apresentado o vídeo do ANDES-SN dos atos de 3 de julho, com convocação para participação nas futuras manifestações. Assista:




Na próxima sexta-feira (16), acontecerá o último dia do 12º Conad Extraordinário com a Plenária do Tema III e Plenária de Encerramento. O encontro conta com 251 pessoas inscritas, sendo 66 delegados e delegadas, 138 observadores e observadoras, 33 diretores e diretoras, 14 convidados e convidadas. Representantes de 76 seções sindicais do ANDES-SN participam do evento.


Fonte: ANDES-SN