Reitora informa que irá cortar auxílio-transporte

Em reunião realizada no dia 05 de junho de 2019, a Reitora informou que irá noticiar os servidores que recebem auxílio-transporte para que atualizem e justifiquem o trajeto domicílio – local de trabalho.


Na mesma reunião, a equipe da Pró-Reitoria de Administração da Universidade (Pró-Reitora e Coordenador de Gestão de Pessoas) comunicou que, baseada em Parecer da Procuradoria Federal da Universidade e Nota Informativa do antigo MPOG, será suspensa a concessão do auxílio-transporte para residentes em outros Estados, bem como para docentes que possuem dois domicílios e retornam para sua residência aos nais de semana.


A ADUFOP repudia tal atitude, em especial, em razão do momento de ataques que toda a categoria está sofrendo, seja com os cortes na Educação seja através da proposta de Reforma da Previdência, reiterando a expectativa de um enfrentamento mínimo da Reitoria para com os desmandos do Governo Federal.

Os(as) docentes que forem notificados pela UFOP deverão procurar a assessoria jurídica da ADUFOP para acionamento judicial.