top of page

Terceira reunião de negociação do CLG docente da UFOP com a Comissão da Reitoria

Na segunda-feira (06), o CLG docente realizou a terceira reunião com a gestão da UFOP sobre as demandas de atividades inadiáveis e, também, sobre o conjunto de pautas elencadas pelo movimento à Reitoria.


Na reunião, foram aprofundados alguns entendimentos sobre as atividades com bolsa da PROGRAD, especialmente as monitorias. A gestão reafirmou mais uma vez o compromisso de pagamento das bolsas de monitoria dos monitores já cadastrados, e fará orientações específicas de procedimentos referentes às atividades que os bolsistas devem desenvolver durante o período da greve.


Na pesquisa e pós-graduação, foi acordada a prorrogação de todos os editais de iniciação científica até dia 15 de maio. Além disso, o CLG negociou o compromisso de um novo adiamento do edital FAPEMIG, a depender de negociação agendada com a agência de apoio marcada para semana que vem. Também houve compromisso de inclusão de ponto de pauta específico para o comando na reunião do CONPEP, que deve acontecer no próximo dia 15.


Na extensão, estão mantidas as orientações publicadas na última nota do CLG, reforçadas por e-mail aos coordenadores de projeto, sobre a execução dos mesmos durante a suspensão do calendário. Também, permanecem suspensos os demais editais, até nova avaliação em decorrência da greve.


Por fim, o CLG iniciou o diálogo sobre as pautas locais. O comando enfatizou a necessidade de diálogo em relação ao orçamento de custeio da UFOP e a demanda de adequação do valor de todas as bolsas estudantis com a referência das bolsas de Iniciação Científica do CNPq; além disso, que o valor do Restaurante Universitário não tenha mais aumentos e que este valor atual possa ser reduzido. O CLG indicou também a insatisfação dos docentes perante uma série de portarias publicadas pela administração central que tem elevado o trabalho docente, a necessidade de expansão da presencialidade na UFOP e, por fim, a revisão dos procedimentos de seleção das bolsas BDI, que tem aumentado a escolha por projetos de substituição meramente administrativa de técnicos-administrativos. Estes pontos serão retomados em reuniões de negociação futuras.



コメント


bottom of page