top of page

Evento do ANDES-SN aborda desafios da organização docente na AL, multicampia e papel da arte na luta



De 6 a 9 de dezembro, o ANDES-SN realizará três eventos intercalados na cidade de Foz do Iguaçu (PR). O II Seminário Internacional Educação Superior na América Latina e Caribe e Organização do(a)s Trabalhadore(a)s, o I Seminário Multicampia e Fronteira e o I Festival de Arte e Cultura: Sem fronteiras, a arte respira lucha (arte respira luta. Luta respira arte) abordarão a organização docente e as condições de trabalho da categoria na América Latina, os desafios da multicampia e das universidades de fronteiras e, ainda, o papel da arte e da cultura como amplificadoras das pautas da classe trabalhadora.


A programação completa, com as mesas de debates, apresentações culturais com dança, música, teatro, cinema e exposições foi divulgada nesta quinta-feira (01). Francieli Rebelatto, 2ª secretária do ANDES-SN, ressalta que as características que marcam a Unila e a Unioeste - o internacionalismo, a multicampia e a realidade de uma região de fronteira -, corroboram significativamente para os debates propostos em ambos os seminários, que possuem vários pontos de conexão.


“Desde a perspectiva de termos um espaço de acúmulo sobre as condições de trabalho e os desafios das universidades em nosso continente, destacando os enfrentamentos de universidades que estão às margens dos nossos territórios e como a condição da multicampia compõe novos desafios para a estruturação das universidades, a permanência dos estudantes, dentre outros”, afirma.


A diretora do ANDES-SN lembra também do encaminhamento aprovado no 65º Conad do ANDES-SN de avançar no debate de filiação do Sindicato Nacional a uma entidade internacional do setor da Educação. Segundo Francieli, os seminários ajudarão a ampliar a reflexão sobre o papel do sindicato nas lutas internacionais e também será uma excelente oportunidade para aprofundar a compreensão sobre quais são os enfrentamentos específicos das universidades que estão em territórios de fronteira.


“Aproveitamos também que a região da fronteira e a Unila, em especial, têm expressões artísticas que trazem essa presença marcante da América Latina para iniciarmos a caminhada do nosso Festival de Artes, com essa perspectiva de integração latino-americana. Tivemos um ano de muitos enfrentamentos para nosso sindicato, com isso, entendemos que finalizar esta jornada com este encontro em Foz do Iguaçu fortalecerá o sindicato para os desafios do próximo ano”, acrescenta Francieli.


Confira a programação:

Dia 06 - Unila/Jardim Universitário e Auditório Martina

Durante todos os dias: Ateliê Móvil de Estamparia Exposição de cartazes da Sesunila - Arte é Política Exposição de xilogravuras - Filhos e filhas da Terra de Lucie Schneider

13h - 14h: Credenciamento 14h - 14h30: Cortejo de entrada com a cantora argentina Mariela Gerez Homenagem para ‘Martina: ángel de los colores’ Apresentação musical de Marina Araldi 14h30 - 15h: Mesa de abertura com entidades sindicais, estudantis e movimentos sociais 15h - 18h - Mesa 1 - Educação Superior na América Latina e Caribe e Organização dos/as Trabalhadores/as - Claudia Baigorria (Conadu-H/Argentina) - Felipe Jesus Perez (Universidad Pedagógica Enrique Varona/Cuba) - Nicolas Marrero (ADUR/Uruguay) - Osvaldo Coggiola (ANDES-SN) 18h -18h30: Café 18h30: Apresentação Teatro Coteco’i - Suite nº2 18h45 - 21h30: Mesa 2 - Universidade na América Latina e opressões da sociabilidade capitalista - Alhelí Cáceres (UNA PY - Sitrafacso/Paraguay) - Federico Zelada (UMSA/Bolívia) - Moisés Lobão (UFAC/Brasil) - Zuleide Queiroz (URCA/Brasil)


Dia 07/12 - Unila/Jardim Universitário e Auditório Martina 14h - Homenagem ao fotógrafo Rogério Ferrari 14h10 - 17h: Mesa 3 - Universidade, condições de trabalho e lutas sociais na fronteira - Andreia Moassab (UNILA/Brasil) - José Sávio (UFAC/Brasil) - Natalia Rios (UNE-CDE/Paraguai) - Susana Cavalheiro de Jesus (UNIPAMPA/Brasil) 17h - 17h20: Apresentação musical do Duo Che Valle com músicas do Paraguai e Argentina.Elenco folclórico Avances Internacional de Ciudad del Leste com a Maestra y Coreógrafa Soledad Álvarez 17h45 - 20h30: Mesa 4 - Universidade e lutas dos povos originários e afrodescendentes - Camille Chalmers (PAPDA/Haiti) - Maria Raimunda (UFF/Brasil) - Senilde Guanaes (UNILA/Brasil) 22h - DJ Sthe comanda a pista de dança no Sudacas Bar


Dia 08/12 - Unila/Jardim Universitário e Auditório Martina

9h - Apresentação musical dos professores Marcelo Villena e Gastón da Sesunila 9h20-12h - Mesa 5 - Universidade, pandemia e mudanças tecnológicas na AL: uma nova forma de exclusão - Amanda Moreira (UERJ/Brasil) - Ivan Lopez - (UNAM/México) - Javier Blanco (UNC/Argentina) - Juliana Melim (UFES/Brasil) 14h - Apresentação musical da professora Ana Lúcia Fontenele da ADUFAC

14h15 -18h: Mesa 6 - Os desafios das universidades públicas multicampi no Brasil. Painel com diversas seções sindicais: - UNEB - Milton Pinheiro - UEMG - Túlio Lopes - UFF - Kate Lane - UFAM - Valmiene Farias - IFRS - Claudio Fernández - Unioeste - Gilberto Calil Atividades culturais 19h - 10 anos do cinelatino com filme Eami da Paz Encina (Local: JL Cataratas) 20h30 - Debate sobre o filme (Local: Selina Bar) 21h30 - Sem fronteiras: a arte respira lucha (Local: Selina Bar) Piseras do Embauba - Mulheres do coco Herencia Latina - Grupo Musical de salsa


Dia 09/12 - Unila/Jardim Universitário e Mini-auditório Sala 203

9h - Apresentações artísticas do Festival de Cultura da Unila 9h30-11h: Mesa - O papel da arte e da cultura na resistência de nossos povos da América Latina - Félix Eid - professor de música da Unila - Priscila Duque - Artista do carimbó de Belém do Pará - Priscila Rezende - artista visual e performer de Belo Horizonte 11h - 12h30: Apresentações artísticas Grupo Mylpha de Música e dança latino-americana Priscila Duque - Performance com tambores do carimbó Priscila Rezende – Performance

16h - 22h: Programação do Festival de Cultura da Unila e I Festival de Arte e Cultura do ANDES-SN 19h - Show da Caravana Tonteria de Leticia Sabatella e músicos (Local: Auditório Martina) 22h - Festa final no espaço cultural A CASA.


Confira também:


Fonte: ANDES-SN

Yorumlar


bottom of page